16 de janeiro de 2017

"O rapaz do pijama às riscas"...



Apesar de já ter lido imensos livros que falavam da segunda guerra mundial e dos campos de concentração este filme foi um murro no estomago. 
Se inicialmente parecia ser um filme "inocente" com o andar da história torna-se forte.
Fiquei um pouco abalada por o  ter visto, isso não posso negar.
A mensagem de amizade entre os dois meninos o Bruno e o Shmuel é muito bonita, segundo as condições em que se encontram.
Aconselho que vejam o filme.