11 de julho de 2011

E quando o passado te bate à porta???

É uma valente merda... é o que é, se eu pensava que já tinha problemas suficientes com que a cabeça ficasse a rebentar eis que ao fim de 3/4 anos o passado revolve entrar sem pedir licencinha nem nada do genero, como se fosse a coisa mais banal deste mundo. Pelas almas eu só quero paz e sossego oh tu que tás aí em cima porque é que tens sempre que me andar a trocar as voltas quando a vida parecia estar a tomar um rumo sossegado ah??? É que era a última coisa que eu julgaria que ia acontecer... mas está a acontecer.