22 de junho de 2012

Das coisas que mais me deixam triste...

... o facto dos meus pais não serem minimamente carinhosos. Muitas vezes bastava uma palavra amiga, um abraço ou um beijo, mas não, não existe nada disso. Quase todos os dias penso neste assunto, mas depois fico a pensar, "ah não Mary já és grande demais para estares com essas coisa" e acabo por me mentalizar que supostamente isso é normal... mesmo que eu continue a desejar que os meus pais fossem uns lamechas de primeira, mas infelizmente não são.