7 de fevereiro de 2014

Sinto-me indignada com "tal justiça"...

"O proprietário do café de Lousada acusado de balear dois dos assaltantes que estavam a roubar uma máquina de tabaco do seu estabelecimento vai pagar 2500 euros a um dos feridos.
Esse foi o acordo a que chegaram esta sexta-feira os advogados, pouco antes do julgamento, em que o comerciante responde por tentativa de homicídio e os outros cinco por furtos.
Joel Magalhães, 31 anos, baleado em agosto de 2009 por Joaquim Ribeiro, de 55, quando estava a tentar retirar uma máquina de tabaco do Café Serfi, aceitou receber 2500 euros para acabar com o pedido de indemnização cível, mas recusou explicar-se perante o tribunal e manteve o silêncio."


Que coisa mais linda de se ler e ver... sem dúvidas... quer dizer o homem está no que é dele, está a ser assaltado e não se pode defender??? Se calhar o senhor devia era ter ido abrir a porta e pedir aos ladrões para "fazerem o favor de entrar e estejam à vontade se faz favor". A sério que isto é possível???? As pessoas só estão a defender o que é delas no que lhes pertence e ainda por cima têm que pagar uma  indemnização de 2500€, isto para mim é uma vergonha, uma coisa sem sentido nenhum, eu bem sei que não se deseja a morte a ninguém mas muitas vezes penso que é uma pena enorme alguém não ter a pontaria certinha para fazer desaparecer essa cambada de imbecis que passam a vida a assaltar e a atormentar as pessoas. 
Ah, vejam lá a fotografia do "coitadito" do moço que estava a fazer o assalto, pois vem lá a focinheira toda à mostra como deve ser... sou da opinião que se deve sempre mostrar a focinheira nas notícias como fazem no Brasil... tão grandinho, tanto cabedal e tão parvinho, o que ele realmente precisava era que o senhor do café lhe tivesse assentado em cheio de maneira a ele ir para o pé dos anjinhos e não ficar por aí a atormentar mais ninguém, quantas pessoas já terão sido e serão, atormentadas por este traste... nem é bom de se pensar.