4 de fevereiro de 2015

Tem dias...

... que falo demais.
Devia era estar caladinha e sossegadinha.
Mas não continuo com esta ideia estupida e imbecil de querer ser sociável e simpática.
Quem me dera que muitas vezes quando me põem entre a espada e a parede eu pudesse levar um puto de um estalo... assim em forma de aviso... antes de ceder aos caprichos e conversas de gente parva.
Não aprendo mesmo.