4 de fevereiro de 2012

Querida anonima...


Dispenso a tua visita ao meu blog.
Se não tens que fazer, se não tens vida própria, amor próprio, ao passares na próxima ponte atira-te abaixo... vamos ficar todos bem mais felizes... uma vez que a blogosfera é um "mundo" muito divertido e fantástico mas é sem as aveculas/abeculas... como quiseres e a que se adequar melhor à tua pessoa... recalcadas, andem a deixar comentário tão mesquinhos e estúpidos... que nem a tua pessoa.
Assim sendo solicito se faz favor que não me voltes a incomodar, que não voltes a armar-te em "fina" aqui para os meus lados, que deixes de ser tão mesquinha ao ponto de fazeres comentários em anónimo... coisa reles... segue a tua vidinha e deixa em paz quem já tem problemas que chegue, se por acaso viras-te para o meu blog, pelo facto de eu ter tomado partido de algumas meninas, em algum post e em algum blog onde tu andas a armar-te em mete nojo e venenosa, esquece-me, escolhes-te a pessoa errada para vires chatear. Conselho: eu se fosse a tua pessoa olhava para o espelho um bom tempo, estou certa que encontraras muito em que pensar em vez de andares a perder tempo a chatear as pessoas anonimamente, dando uma de sabichona intelectual, porque estou certa que toda a blogosfera dispensa a tua visita.