30 de julho de 2012

É uma questão de paciência...

... bem sei, mas tem dias em que a minha cunhada me tira do sério. Antes que comecem a pensar o que não devem eu e ela sempre nos demos e damos muito bem, mas como em todas as relações existem pormenores que eram escusados. Outra coisa, não gostam que mexam nas minhas coisas sem autorização, é algo que me cai mal, muito, muito mal. O que se passou foi que tenho em cima da minha secretária no quarto umas capas cheias de relatórios médicos... por causa de uma papelada que eu ando a tratar... ao que a senhora minha cunhada se lembrou de andar a mexer sem pedir autorização. A maior parte do que lá consta é do conhecimento da família, mas existem pormenores que eu mesma desconhecia e quando tive acesso aos documentos fiquei um pouco desorientada no momento, mas depois de reflectir, acabei por não dar grande valor. Qual o meu espanto quando ela estes dias me começa a mandar "bocas" sobre o que está escrito nos relatórios. Primeiro pensei "será assim tão evidente que já se estejam a aperceber que tem dias que não ando muito bem'" mas depois perguntei o porque dela dizer isso, ao que me responde "li nos papeis que tinhas na capa em cima da secretária". Primeiro fiquei "podre", possuída e irritada... mas sem me manifestar... e depois disse que foi uma falta de respeito da parte dela mexer no que não lhe pertence e muito pior andar a falar sobre esse assunto. É um assunto meu, infelizmente não me espanta que quem me segue no hospital ache que eu estou no fim da linha no que diz respeito a cansaço por causa de todos os problemas, por causa dos tratamentos e pelo desanimo que tudo isto me proporciona, tem dias que eu mesma sou capaz de saber que não tenho grandes forças para seguir em frente, como toda a gente tenho dias em que são mais ou menos, outros muito maus e outros bons e não é por ter dias assim que variam, que não consigo levar o meu dia a dia em frente, muito pelo contrario, consigo sim nem sempre bem mas consigo. Resumindo não penso ficar chateada com ela, porque gosto imenso dela e não vale a pena isso, só fiquei decepcionada pela falta de educação em mexer no que não é dela e pela falta de tino de ainda andar a falar no que não deve, se ainda fosse como o outro que vê e não comenta, menos mal.