Avançar para o conteúdo principal

Factos...

* Desde que mudou a hora que ando com o meu sistema todo alterado, continuo a ter a opinião de que não deviam de andar com estas coisas da mudança da hora.

* Toda a gente se queixa do calor, pois bem, eu estou a morrer de frio, porque na zona onde eu moro além de não bater uma ponta de sol, esta bastante vento e como eu sou friorenta ando aqui a tremer por todos os lados.

* Desde que tomei a vacina da gripe que ando que mal me seguro de pé, é frio, é cansaço, é sono, é nariz tapado, espirra aqui, tosse acolá... enfim.

* Bem que implorei para não tomar a vacina mas as médicas vêm logo com a conversa que além de ser uma doente crônica, sou uma doente de alto risco... esgotei todos os argumentos possíveis para as convencer.


* Cada dia que passa quando me vou deitar à noite, sinto que é sempre o momento mais feliz do meu dia, deitada, quentinha, uma maravilha.

* Tive uns anos no sábado à noite, logo tive que alterar o meu tratamento da noite para a tarde, é uma maravilha de turno, mais parece que é um concurso para ver quem ressona mais... ainda bem que assim li mais descansada.  

* Como é hábito nestas festas de anos, as pessoas insistem em arrasar com os aperitivos mesmo antes de ser dada a ordem para se começar a comer... se soubessem como estas coisas me metem impressão.

* Acho muito engraçado as pessoas dizerem que não comem nadinha e quando existem festas comem como o amanha não existisse.

* Ou então aqueles que dizem que só comem a sopinha e estão prestes a explodir.

* Também existem aqueles que comem e bebem à grande e depois dizem que engordaram porque estão na pré menopausa... já lhe tinha ouvido chamar muita coisa.  


* Não gosto de estar assim, tenho frio.

* Tive que mudar as password todas do e-mail, porque supostamente alguém da Índia tentou entrar à força na minha conta, muito gostava de saber o que querem, mas pronto... idiotas só me dão trabalho.

* A minha mãe já me avisou "quarta feira não tens tratamento, por isso vais para o cemitério toda a tarde" ao que eu respondi "é isso tudo já foste, queres ver que já mandas, vai sonhando vai"... mais nada não.

* No que diz respeito ao cemitério era só o que me havia de faltar, sábado já fui lavar o jazio, mês sim, mês não somos nós a enfeitar e a lavar e agora vou lá ficar a olhar uma tarde toda, eu continuo com a teoria de que devemos fazer tudo e respeitar as pessoas enquanto são vivas e depois eu já faço muito em lá ir durante todo o ano. 

* Não me apetece ir para o tratamento, estou cansada disto todas as semanas é a mesma coisa, segunda, terça, quinta e sábado... ufff estou mesmo fartinha e ainda hoje é segunda.

* Só me apetecia beber um chá de jasmim ou preto e comer uma torrada e cama... mas é impossível concretizar o meu desejo.

* Vou arranjar o meu saco para o tratamento, pode ser que se faça milagre e  ganhe um pouquinho que seja de entusiasmo... hmm hmmm vai acreditando nisso.





Mensagens populares deste blogue

Post chato como a putassa ou putaça...

... não sei, escolham a que quiserem.  Desde sábado que ando arreliada e chateada, comigo mesma e não só. Já ando à 3 semanas com muitas dores no corpo, principalmente costas e pernas, arrepios de frio, mal estar, etc, etc. Feita estúpida este sábado resolvi falar com a médica da clínica a ver se me podia ajudar. Se o arrependimento matasse tinha ficado ali esticadinha no mesmo minuto em que abri a boca. "Ah vamos aumentar o peso porque anda com as tensões muito baixas e é por causa disso" disse a médica eu ainda tentei explicar que não tinha nada a ver com as tensões uma vez que apesar de estarem baixas eu tenho me sentido bem no que diz respeito às tensões e até conseguia ir abaixo do peso 400 gramas no fim do tratamento... "não, não, não, e não vamos subir porque eu é que sou a médica e é que sei". Fiquei f.... mesmo, no seu maior esplendor apeteceu-me mandar dois berros ou até mesmo arrancar as agulhas do tratamento... mas não o fiz infelizmente por uma questão de…

Olá Setembro...

Geralmente considero como um novo início. Uma nova oportunidade. Vamos ver como vai ser a partir de hoje até ao fim do ano. Setembro querido vê só o que te peço... dá-me paz, calma, sorrisos, abracinhos bons e se por algum momento houver momentos mais tristes em que eu tenha vontade de desistir tu dá-me força, fé e coragem para seguir em frente mais uma vez. Por isso Setembro sê bem vindo!!!

Adeus Maio...