15 de julho de 2014

"A sombra do medo" de R. J. Ellory...


Em Augusta Falls, uma pequena comunidade rural no Sul dos Estados Unidos, a vida nunca mais será a mesma. Um assassino em série anda a semear o terror enquanto deixa atrás de si os corpos mutilados de raparigas pré-adolescentes. Joseph Vaughan, de apenas doze anos, não consegue evitar sentir-se profundamente impressionado com os acontecimentos. Por isso decide criar um grupo com o objectivo de descobrir o responsável pelos crimes. Mas o tempo vai passando, e um dia as mortes param subitamente. Só Joseph continuará a ser perseguido ao longo dos anos pela sombra do que se passou, até ser obrigado a confrontar-se com o pesadelo que lhe roubou a vida.

Posso dizer que é uma história divina, muito boa. Começou assim de uma forma leve até existiu momentos em que me lembrei da minha própria infância, mas depois quando começaram a aparecer as meninas mortas as coisas foram ficando cada vez mais complicadas. Joseph não teve uma vida boa, não mesmo, mas mesmo assim quando já nada fazia esperar ele consegui dar a volta por cima, descobriu quem andava a matar as meninas. Confesso que fiquei surpresa com quem foi, primeiro tudo indicava que teria sido Gunther Kruger mas o fulano mata-se, quer dizer alguém lhe deu o jeitinho, mas como continuaram a aparecer crianças mortas eu cheguei a pensar que poderia ser um dos filhos desse Gunther kruger mas estava tão enganada, quando descobri quem era fiquei tipo "ahh não pode" mas pode, pode, tanto pode que até foi... lógico que não vos conto mais se não se houver alguém que queira ler o livro fica já a saber de tudo. 
Resumindo e concluindo este livro é excelente leiam é muito bom.