12 de julho de 2016

Já não tenho pedalada para andar na noitada...

É que não tenho mesmo.
Se imaginassem como me sinto cansada, até se riam.
Foi sexta, sábado, domingo e segunda a deitar tarde.
Mais um dia e morria. 
Ontem lá desisti e vim mais cedo embora, estava tão, mas tão cansada, que foi só tirar a roupa e pumba adormeci logo quase sem abrir a cama.
Estava mesmo exausta, estava e estou que ando para aqui a ressacar que é uma coisa louca, parece que mal me seguro de pé.
Vamos lá ver como corre o resto da semana agora sem festas.