1 de maio de 2018

Adeus Abril...



Pois é Abril, já chegaste ao fim.
Apesar de uma má notícia e de umas dores esquisitas, até foste um bom mês.
Acabamos em grande com o meu aniversário que apesar de me ter dado muito trabalho, foi muito bom.
Agora vem aí Maio, mais uma rodada de aniversários, primeiro o meu irmão e depois a minha mãe, ah e também o dia da mãe que já esta quase aí à porta.
Só desejo que sejas calminho e que me dês forças para os tratamentos e para a operação... se ele me chamar este mês, a verdade é que não tenho pressa nenhuma para essas coisas.
Dá-me sorrisos, paz e pequenos bons momentos.
Anda daí Maio, vamos ver no que vai dar.