8 de maio de 2018

Sábado foi assim...

Então no sábado à noite tive um jantar, assim daqueles meio para o "pindérico" em que se tem que ir bem vestidinha, afinal iam estar várias entidades da câmara de Gaia.
Eu vou todos os anos, mas este ano a festa era em grande porque era a comemoração dos 50 anos e tinha mais ou menos 450 pessoas, como podem entender foi à grande.
No meio disto tudo vivi duas situações engraçadas.
Pois e costumo ir de tacão quando vou a estes jantares, pois claro com o vestidinho fica sempre bem, acontece que  tive que ir fazer o meu tratamento de manha, ou seja, além cansada, não aguentava as dores nos pés, se houve dia em que me doíam os pés a sério foi mesmo no sábado.
Então para não dar asneira acabei por levar umas sabrinas que tenho de festa que são exatamente da cor do casaco que levava.
E eis que vem agora as situações engraçadas.
O serviço de comida é self-service.
Estava eu na fila a aguardar a minha vez e as tantas o filho aqui de uma vizinha olha para mim de cima a baixo e de baixo a cima e diz "oh M. não gostas de tacão? Ou não usas? Ia jurar que já te tinha visto de tacão".
Pensei cá para mim "olha-me este marmanjo" e respondi "gosto sim e uso, mas hoje não consegui mesmo" ao que ele responde "hmmm e porque?" coscuvilheiro pensei eu "não consegui, porque fui ao tratamento de manha, estou cansada e com dores de pés, estão aceites as justificações?" ele começou a rir-se e disse "sim, sim".
Mais à frente fui dar uma vista de olhos na mesa das sobremesas e estava lá o presidente da câmara de Gaia e o vice-presidente.
O presidente estava com o seu pratinho cheio de fruta ao pé dele estava um bolo partido aos bocados assim com um ar divinal.
Resolvi comer um bocadinho, peguei no prato tirei e diz o presidente para mim "tem bom aspeto não tem? Será que é bom?"... aquilo era bolo de chocolate, uma espécie de pudim ou mousse e depois levava uma camada de caramelo mas com um toque salgado.
Ora digo eu "espere lá que eu provo e já lhe digo se é bom".
Como já tinha um quadradinho no meu prato, tirei uma garfada meti na boca e involuntariamente saiu-me um "hmmmm é muito bom" diz o presidente para o vice "oh P. olha afinal não vou levar só fruta olha só o ar de prazer aqui da menina a provar o bolo, oh menina já agora coloque aqui um bocadinho".
Estupor do bolo estava mesmo bom, foi o único que comi, não quis mais nada, mas uma coisa é certa como ando a cortar nos açúcares quando comi aquele míni quadradinho a minha glicemia deve ter subido de tal maneira que me deu logo os calores, mas que era bom lá isso era, até o meu irmão disse "é mesmo bom".
E pronto foi um sábado diferente e divertido.