18 de janeiro de 2012

Puta que pariu este país...

... em vez de evoluir anda para trás como o caranguejo, e quem beneficia com está merda toda, os patrões, essa carga de animais que em muitos casos exploram as pessoas e depois encornam em despedir as pessoas como se fossem lixo.
Minha alma fica parva... ainda mais parva do que já sou... ao ver os seguintes itens no
Jornal Noticias:


* "Patrões reconquistam sábado de trabalho"... cada vez mais estão como querem.


* "Paragem garantida apenas ao domingo"... e ainda assim palpita-me que não será para todos, assim com um jeitinho.


* "Faltas coladas a feriados levam a cortes de quatro dias no salário"... até nas putas das férias os gajos querem mandar.


* "Trabalhador perde até sete dias de descanso"... pois claro descansar para que??? Quando cair para o lado caiu, só uma cambada de imbecis é que é capaz de ter ideia para tal lei.


* "Empresas podem pôr e dispor do funcionário durante 150 horas"... como se já não fizessem isso à anos e ainda por cima tratam as pessoas abaixo de lixo.


* "Avarias nas máquinas afectas ao operário podem ditar o seu despedimento"... ridículo, coisa mais estúpida como é que é possível meu Deus, a pessoa lá tem culpa que a porcaria da máquina avarie, sinceramente.




Só falta que se lembrem de dar alas aos patrões para despedir as pessoas que estão em casa doentes e com baixa... até os mato... porque apesar de pagarem uma merda eu preciso desse dinheiro e se o meu patrão encornar para me despedir que o faça mas com muita força, em vez de andar para ai a mandar bocas a dizer que quer que eu me despeça, eu também queria muita coisa e não tenho meu cabrãozito por isso sossega uma vez que a tua mulher diz que tem problemas psíquicos e está de baixa à anos, porque se lembrou que está maluca... quando está mais fina que eu e toda a blogosesfera junta é o que é... porque maluca que é maluca está em casa fechada, não se preocupa em andar enfiada no cabeleireiro, nem a arranjar as unhas e essas merdices todas, ou seja, sempre cheia de merda, mas quando vai a uma junta médica estava pior do que um mendigo... eu tenho tanta sorte que vi tal coisa com os meus olhos uma vez quando fui à junta médica se alguém me contasse não acreditava, só vendo mesmo, deprimente como as pessoas se sujeitam a qualquer figurinha porque encornaram que não querem trabalhar... anda por aí a baixo finanças, segurança social e o raios que os parta, anda, anda, que vais descobrir muita merda por aí.


Resumindo e concluindo: 17 horas de reunião para decidirem tanta merda junta??? Até dá vontade de rir oh se dá.